Letra

Ai, ai, ai, ai, aiiiiiii!

Já sei que as palabras o vento leva
que por vezes menti
é muito difícil que acredite em mim
quem não se equivocou e por engano feriu um coração?
Pois atire a primeira pedra
esta noite me ajoelho por teu amor

aaaaaaaah!
Perdão, falhei e não foi essa minha intenção
Por umas noites de aventura
há um dilema entre tu e eu
fui infiel, lentamente me consumo na dor
que um raio me parta se eu te minto
arrependido em meu interior

Não sou aquela garota da qual ontem roubou um beijo
o arco iris que iluminava minhas manhãs
perdeu sua cor
Quando se perde a confiança de quem ama
não há nada, não há razão
para continuar essa novela
se o roteiro se trata de traição

aaaah

Perdão de que!
Não vai me convencer
por tantas noites de amarguras, a solidão em meu quarto
você me foi infiel, não se faça de louco, a vítima sou eu
que me parta um raio
se te perdoo a dor em meu interior

THALÍA: Não!
ANTHONY: Não te afaste de mim
THALÍA: Não, não, não.
ANTHONY: meu coraçãozinho não palpita sem você
THALÍA: demasiados desabores
vou em busca de amores longe de você

ANTHONY:Não!
THALÍA: preciso de um novo amor e compaixão
ANTHONY:Não, não, não.
THALÍA: Que me cure a ferida e a dor
ANTHONY: renuncio a Seu abandono
neste mundo fico sozinho sem seu amor

ay ay ay ayyyy!

ANTHONY: aponta mas não dispare, não, não, não me desampare
choro porque sou o culpado

THALÍA: a mesma canção e o verso, sempre me diz isso
mas o erro já está feito

ay ay ay ay ayyyy!

THALÍA: alo
ANTHONY: meu amor, por favor, me perdoa, lhe suplico
THALÍA: sempre me diz o mesmo. Não posso, me doi.
ANTHONY: estou lhe falando com sinceridade, por favor, não me deixe
THALÍA: você me machuca o coração, todo tempo é igual
ANTHONY: te amo, te amo, te amo, por favor, não vá
THALÍA: eu também te amo, mas não

repete o refrão até o final.

Compartir

Video relacionado

...